sexta-feira, 28 de agosto de 2015

O grito do mar na noite no programa Soterópolis da TVE

Emmanuel Mirdad e a jornalista Vânia Dias


O meu livro de contos O grito do mar na noite (Via Litterarum/2015) foi destaque ontem, 27/08/2015, encerrando o programa Soterópolis da TVE, em entrevista feita pela jornalista Vânia Dias. Veja abaixo:



Não consegue visualizar o player? Clique aqui

terça-feira, 25 de agosto de 2015

Homem-formiga

Foto daqui


Desde pequeno, resolvo as tarefas dos outros. O último a apagar a luz. O último dos moicanos. SOS Malibu. Como o mestre Hélio Pólvora me ensinou: "Ser homem é assumir a realidade". Lembrou-me um lema que criei para a primeira sociedade que tive na área cultural: "A gente resolve". Mas não é nenhum bicho de sete cabeças resolver. Nem lida para especiais. Não tem, absolutamente, nada de diferencial ou especial. É apenas compromisso. A profissão à frente do ego. O trabalho acima da vaidade. A engrenagem primeiro que a dor. A responsabilidade a vencer a preguiça. A coragem de assumir o que deve ser feito acima do que você deseja. O método, o planejamento, o império da razão a vencer a artimanha, o comodismo, o corporativismo, a corrupção. Simples: você é uma formiga. Trabalhe. Cumpra a sua função. É o único sentido que te mantém vivo. O resto é distração. Desnecessária.